Negócio:"Faturo R$15 mil com o cheescake no palito"

Fernando inventou uma versão com formato de sorvete e 23 sabores. Agora vende 400 unidades por semana!

Texto: Gabriela Bernardes

Fernando Távora | <i>Crédito: ARQUIVO PESSOAL/SHUTTERSTOCK
Fernando Távora | Crédito: ARQUIVO PESSOAL/SHUTTERSTOCK
Um dos meus hobbies é cozinhar para meus amigos e familiares. Apesar de ser formado em administração de empresas, sempre gostei de criar receitas diferenciadas. Como todo mundo elogiava meus pratos, vivia pesquisando novas formas de surpreender o paladar da galera. Foi assim com um cheesecake de frutas vermelhas que preparei em casa. A turma gostou tanto que me deu um estalo: eu poderia adaptar a receita para criar algo totalmente novo no mercado e até ganhar algum dinheiro com isso. Naquela noite de 2014, fiquei até as 4 h da manhã quebrando a cabeça. Como a tendência de guloseimas no palito estava em alta, tive a ideia de juntar torta com sorvete e inventar o cheesecake no palito!

No primeiro evento já vendi 80 unidades
Fiquei tão confiante na minha criação que decidi investir R$ 3 mil no meu novo negócio. Comprei geladeira, freezer, embalagens, adesivos, isopor com o logotipo e registrei minha marca. Em seguida, fui atrás dos ingredientes para preparar meus doces. Demorei quatro meses para achar a receita ideal, com frutas, mas minha criação ficou perfeita! 

Para testar a receptividade do meu cheesecake no palito, servi para parentes e amigos. Todo mundo adorou! Depois, levei 100 unidades com frutas variadas a uma feira gastronômica – vendi 80! Com minha invenção aprovada, passei a divulgar nas redes sociais, aceitando encomendas. 

Pouco tempo depois, fui a outro evento e levei 12 opções de sabores, como frutas vermelhas, doce de leite, limão, maracujá... Quando vi que formou uma fila no meu estande, não consegui conter a alegria. Em apenas um dia, faturei nada menos que R$ 3 mil! 

O crescimento do meu negócio foi acontecendo de maneira tão rápida que, depois de seis meses, tive de comprar mais dois freezers, uma carretinha, duas geladeiras, um fogão e uma bike para atender ainda mais eventos. Ofereço três opções de tamanho: o míni (25 g) por R$ 5, o médio (150 g) por R$ 10 e o grande (200 g) por R$ 12 – o mais vendido é o de limão com suspiro. No total, recebo cerca de 400 encomendas por semana! Também atuo em eventos gastronômicos, feiras, lançamentos de lojas, aniversários... 

Eu mesmo preparo todos os cheesecakes, mas tenho auxílio tercerizado na montagem das caixinhas e com os carimbos. Os pedidos podem ser feitos pelo Face e WhatsApp. Se a encomenda ultrapassar dez unidades, tenho serviço de motoboy para entrega. Mas o cliente também pode retirar aqui em casa.

Investi em outra cozinha para produzir mais 
Recebo tantos pedidos que no mês passado tive de investir numa cozinha mais adequada para dar conta. Estou reformando para melhorar a estrutura do negócio e atender melhor meus clientes. E meus p r o j e t o s não param por aí, não: daqui a uns meses, quando a obra for finalizada, pretendo aumentar minha equipe e a produção, lançar novos sabores e fechar pequenas parcerias para revenderem minha marca. Viu só como uma ideia criativa pode se transformar num ótimo negócio? - FERNANDO TÁVORA, 32 anos,empresário, São Paulo, SP

14/06/2016 - 09:02

Conecte-se

Revista Sou mais Eu